Dificuldades de concentração

Dificuldades de concentração

30 de março de 2018 Pais 0

Dificuldade de concentração é comum na adolescência.

Essa dificuldade é biológica! Não é de má vontade dos jovens.

Ela reflete falta de amadurecimento cerebral. Concentrar-se exige muito controle, que eles ainda não têm.

Dificuldade de começar e persistir em tarefas difíceis ou chatas também tem a ver com isso.

A boa notícia é que isso melhora com o amadurecimento. Porém, vai melhorar mais se o jovem treinar se concentrar.

Aqui vão algumas dicas que podem passar a eles para a hora de estudar em casa:

Distrações como música, celular e TV ligados devem ser evitadas. Parece óbvio.

Mas a garotada acha (com convicção!) que estudar respondendo mensagens, ouvindo música (especialmente aquelas com letra), e tal não os atrapalha.

Isso não é verdade. Atrapalha sim!

Atenção é um recurso limitado.

Quando temos que usar atenção para fazer mais de uma coisa, dividimos essa atenção entre tarefas.

Isso significa que há menos atenção para aprender se estamos também usando parte da atenção para fazer outra coisa. Veja esse video.

Na hora de estudar, então, todos os equipamentos devem ser desligados.

Mas avise que épor pouco tempo. Sugira que experimentem fazer isso por uns 25 min (veja mais detalhes de como seguir esse método pomodoro).

Depois de estudarem por esse tempo, devem receber um prêmio: 5 ou 10 minutos para ouvir uma música, ver se tem mensagens, falar com alguém, jogar um jogo. Eles escolhem.

Em seguida, devem recomeçar o processo.

Depois de fazer isso 3 vezes merecem um descanso maior, digamos de uma meia hora. Isso funciona bem e aumenta demais o rendimento!

As pausas de descanso são também extremamente importantes para a consolidação das informações estudadas na memória.

Outra coisa a ser feita que melhora a retenção de informações: é importante alternar entre matérias.

Este vídeo dá também dicas de como estudar de forma mais eficiente.

Jovens sonolentos têm, evidentemente, mais dificuldade de concentração. Veja as dicas sobre sono.

Caso ache que o “seu” adolescente tem dificuldades incomuns de leitura, escrita, aprendizagem de forma geral, desatenção e/ou hiperatividade extrema, consulte esse link que poderá lhe ajudar. Quanto mais precoce o diagnóstico, maior a chance de sucesso na melhora da qualidade de vida dele ou dela e na de sua família.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *