Tédio e mau humor

Tédio e mau humor

5 de abril de 2018 Pais 0

Ter muito tédio faz parte de ser adolescente.

As regiões do cérebro que regulam emoções estão diferentes: os sentimentos são todos MUITO intensos.

Portanto, adolescentes mudam de humor rapidamente. Oscilam entre extrema animação a péssimo humor num piscar de olhos.

O efeito colaral disso é que a falta de estimulação resulta em MUITO tédio (falta de emoção).

Fazem de tudo para evitar se sentirem assim.

Porém, em geral isso não é possível porque jovens não regulam bem suas emoções ainda.

Além disso, em muitas ocasiões eles não podem decidir o que fazer, pois os adultos é que o fazem.

Sugira que os jovens se preparem para essas ocasiões.

Se eles têm que estar em uma situação que causa tédio, e se for aceitável na situação, ensine-os a pensar no que levar que poderá ajudar: celular, fone de ouvido, sudoko, algo para ler.

Mas lembre-se: eles são jovens. Vão esquecer de fazê-lo. Para evitar conflito, ajude-os a lembrar.

Se não for aceitável fazer algo como olhar o celular na dada situação, experimente dizer a eles que há muita evidência de que a criatividade é aumentada quando não estamos pensando em nada específico.

Em outras palavras, devaniar ou sonhar acordado é super importante para permir que ideias apareçam em nossas mentes.

Lembre os jovens que o que pensam está sob seu próprio controle.

Desafie-os a achar algo interessante onde estiverem. É um bom treino para toda a vida!

Sobre o mau humor, estudos mostram que uma ótima forma de combate-lo é ouvir música.

Portanto, mesmo que você ache antissocial, pense assim: ouvir música é uma forma que adolescentes encontram de modular seus sentimentos.

Ouvir música é uma das poucas coisas sobre as quais eles têm controle em suas vidas. Portanto, é para eles um treino de regular suas emoções. E isso é muito bom!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *